Energia solar é a 2ª maior fonte energética do país: Como ter em casa?

Por Maiara Marinho UOL/Ecoa

A energia solar é a segunda maior fonte de energia no Brasil. Com 23,9 gigawatts (GW) em operação, fica atrás apenas da fonte hídrica e ultrapassou a eólica, segundo levantamento da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar). O resultado foi obtido através da soma de usinas e sistemas próprios de geração de energia, como o uso doméstico, por exemplo. Com isso, em 2022 a energia solar teve um crescimento de 64% em relação a 2021.

Em 2023 o Brasil alcançou a marca de 1,6 milhão de sistemas instalados em todo o país e, destes, 79% são residenciais para autoconsumo local, explica Arthur Siqueira, Engenheiro Eletricista e Grupo de Pesquisa em Governança Energética da IEE/USP. Hoje existem 75,2 milhões de residências aptas a adotarem energia solar no país, mas apenas 2,2% delas se beneficiam deste sistema.

O que é energia solar? Energia solar, como o próprio nome diz, é uma fonte de energia. Nesse sistema, a luz do sol é captada e pode ser transformada em eletricidade, que é o caso da energia solar fotovoltaica, e em calor para aquecer água, chamada energia solar heliotérmica. Ainda segundo a Absolar, estima-se que essa tecnologia pode diminuir em até 90% o valor da conta de luz. Além de uma promessa econômica para o país, esse tipo de energia é renovável, que é considerada como limpa por utilizar recursos inesgotáveis, como o sol, para gerar eletricidade — ao contrário do petróleo, carvão mineral, entre outros, que são esgotáveis.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Compartilhe

outros artigos